Pular para o conteúdo principal

Estudantes vão às ruas contra o aumento da passagem

Em protesto contra o aumento da passagem de ônibus, os estudantes natalenses foram às ruas mais uma vez para apresentar sua opinião e insatisfação à sociedade, além de questionar a composição do Conselho de Mobilidade Urbana da cidade, que, ao contrário do que diz a Semob (Secretaria de Mobilidade Urbana), não tem representação estudantil.

A marginal da BR-101 foi utilizada pela manifestação pacífica a partir das 17h, quando foram entoadas palavras de ordem contra o reajuste da tarifa. O protesto seguiu até o Midway Mall, quando, após uma parada do movimento, retornou ao Natal Shopping para ser finalizado.

A Polícia Militar, durante o trajeto de volta ao Natal Shopping, agiu de maneira desproporcional à mobilização dos estudantes, ferindo vários com balas de borracha e gás de pimenta. Até a professora da UFRN, Sandra, de Letras, recebeu um chute de um policial ao tentar evitar que este utilizasse cassetete contra os manifestantes.

Para o diretor de imprensa do DCE/UFRN, Ramon Alves, a prefeitura perdeu uma grande oportunidade de abrir o diálogo com os estudantes sobre os problemas de mobilidade urbana de Natal. "Todos os DCEs e a UNE foram pegos de surpresa com o voto de um representante estudantil, que não foi legitimado por ninguém, autorizando o reajuste. Já tinha sido esse o comportamento do prefeito na sua última gestão e essa prática, velha e autoritária, não será tolerada".

Os estudantes secundaristas também estiveram em peso no ato. Para o presidente da União Metropolitana dos Estudantes Secundaristas (UMES), Whanderley Costa, "isso é reflexo da ampliação da capacidade que esse movimento vem tendo, aglutinando mais e mais parcelas da sociedade para reivindicar transparência, participação e qualidade nos serviços públicos".

Os estudantes organizarão novos protestos para mobilizar a sociedade pela suspensão do reajuste da passagem de ônibus.

Postagens mais visitadas deste blog

Ata de Homologação de candidatura da chapa "TODA LUTA"

UNE lança nova carteira estudantil

Começou no último dia 27  a emissão da nova carteira nacional estudantil. A nova carteira expedida pela União Nacional dos Estudantes teve o layout nacionalmente padronizado e está de acordo com as exigências da Lei que esclarece as medidas relativas à Copa das Confederações FIFA 2013, à Copa do Mundo FIFA 2014 e aos eventos relacionados, que serão realizados no Brasil. A carteira vai garantir 50% de desconto no ingresso para os jogos da Copa das Confederações que acontece agora em junho bem como para o transporte público nos municípios onde os estudantes têm benefícios assegurados. “O funcionamento da carteirinha durante este ano será uma experiência importante para a Copa do Mundo e os demais eventos esportivos que virão. As mudanças também reforçam a credibilidade da carteira como um documento de identificação dos estudantes reconhecido em todo o território nacional”, destaca o presidente da UNE, Daniel Iliescu.
A nova carteira estudantil tem certificado digital e poderá ser emiti…

Xerox na UFRN

Você está indignado com o serviço de Xerox na UFRN? Não agüenta mais ficar em fila? Já precisou várias vezes de material que não teve como copiar? Quer um serviço mais barato e de qualidade? Seus problemas ainda não acabaram, mas podem acabar! O DCE/UFRN, gestão “Da luta não me retiro”, na qualidade de representante legitimado dos estudantes da UFRN, diante da grande quantidade de reclamações de diversos estudantes e Centros Acadêmicos a respeito péssima qualidade do serviço de reprografia atualmente prestado nessa Universidade - as longas filas e esperas, muitas vezes sem conseguir êxito para retirar cópia ou fazer impressão, que têm feito inclusive vários estudantes perderem aula – convoca os estudantes para discutir e pensar soluções práticas para a problemática da Xerox. A última licitação para prestação de serviço de copiadora na UFRN ocorreu em 2002 (concorrência nº 02/2002), o que significa que a empresa que atualmente está na UFRN o faz sem licitação, além de não ser de modo nen…