Pular para o conteúdo principal

DCE dá sequência ao acompanhamento das reivindicações estudantis junto à PROAE

Conforme definido na última reunião com a Reitora Ângela Paiva, o Diretório Central dos Estudantes tem acompanhado os encaminhamentos dados a partir da última mobilização realizada na reitoria da universidade. Na ocasião, uma pauta de reivindicações foi apresentada aos pró-reitores da UFRN, abordando questões como segurança, alimentação e prática de esporte pelos estudantes.

Nesta sexta, 24, foram apresentados à gestão do Diretório Central dos Estudantes os encaminhamentos mais recentes sobre as demandas. O Pró-Reitor Adjunto de Assistência Estudantil, Paulo Campos, informou ao DCE que foram dados os seguintes encaminhamentos:

  • A partir da segunda-feira (26), as residências universitárias da cidades de Caicó e Currais Novos receberão postos de vigilância para reforçar a segurança dos estudantes. Os postos funcionarão das 18h às 6h;
  • A partir do dia 3 de junho, a residência universitária de Santa Cruz receberá um posto com o mesmo horário de funcionamento dos outros dois;
  • A residência universitária de Mipibu recebe vigilância a partir de hoje;
  • No início de junho, os residentes serão atendidos pelo DAS (Departamento de Assistência ao Servidor), onde serão disponibilizados serviços de odontologia, ginecologia e clínica geral.
  • A direção do campus de Caicó disponibilizou duas salas para instalação de consultório médico e odontologia, que serão disponibilizados para os estudantes em breve;
Para o Coordenador de Relações Institucionais do DCE, Leon Karlos, "é imprescindível que exerçamos uma pressão e um acompanhamento mais constante sobre as nossas pautas, para que as reivindicações não sejam esquecidas depois dos atos e do calor dos movimentos. Por isso que esse acompanhamento e a inclusão de novas pautas é fundamental para que possamos avançar nas políticas de assistência estudantil, tão fundamentais para a universidade ampla e democrática que nós reivindicamos".

Ele lembra que as reuniões são abertas a qualquer estudante, ocorrem às 17 horas todas as sextas-feiras, e que o DCE está aberto a receber novas pautas e acompanhar cada uma delas, fortalecendo a capacidade de pressão dos estudantes e de suas pautas. "O DCE é instrumento de pressão e contribui para articular os diversos encaminhamentos que vários grupos da universidade possuem e querem apresentar", finalizou Leon.

Postagens mais visitadas deste blog

Ata de Homologação de candidatura da chapa "TODA LUTA"

UNE lança nova carteira estudantil

Começou no último dia 27  a emissão da nova carteira nacional estudantil. A nova carteira expedida pela União Nacional dos Estudantes teve o layout nacionalmente padronizado e está de acordo com as exigências da Lei que esclarece as medidas relativas à Copa das Confederações FIFA 2013, à Copa do Mundo FIFA 2014 e aos eventos relacionados, que serão realizados no Brasil. A carteira vai garantir 50% de desconto no ingresso para os jogos da Copa das Confederações que acontece agora em junho bem como para o transporte público nos municípios onde os estudantes têm benefícios assegurados. “O funcionamento da carteirinha durante este ano será uma experiência importante para a Copa do Mundo e os demais eventos esportivos que virão. As mudanças também reforçam a credibilidade da carteira como um documento de identificação dos estudantes reconhecido em todo o território nacional”, destaca o presidente da UNE, Daniel Iliescu.
A nova carteira estudantil tem certificado digital e poderá ser emiti…

Xerox na UFRN

Você está indignado com o serviço de Xerox na UFRN? Não agüenta mais ficar em fila? Já precisou várias vezes de material que não teve como copiar? Quer um serviço mais barato e de qualidade? Seus problemas ainda não acabaram, mas podem acabar! O DCE/UFRN, gestão “Da luta não me retiro”, na qualidade de representante legitimado dos estudantes da UFRN, diante da grande quantidade de reclamações de diversos estudantes e Centros Acadêmicos a respeito péssima qualidade do serviço de reprografia atualmente prestado nessa Universidade - as longas filas e esperas, muitas vezes sem conseguir êxito para retirar cópia ou fazer impressão, que têm feito inclusive vários estudantes perderem aula – convoca os estudantes para discutir e pensar soluções práticas para a problemática da Xerox. A última licitação para prestação de serviço de copiadora na UFRN ocorreu em 2002 (concorrência nº 02/2002), o que significa que a empresa que atualmente está na UFRN o faz sem licitação, além de não ser de modo nen…