segunda-feira, 18 de março de 2013

Movimentos juvenis se encontraram no seminário de formação da Jornada de Lutas da Juventude Potiguar


O auditório da Reitoria da UFRN se coloriu de diversidade no último sábado (16/03), durante o seminário de formação da Jornada de Lutas da Juventude Potiguar. Juventudes partidárias, movimentos sociais e entidades juvenis discutiram a plataforma política da jornada de lutas no RN, bem como planejaram a realização de um ato político e cultural dia 27 de março (quarta-feira), para dar visibilidade às bandeiras de luta da juventude potiguar.

Na mesa de abertura, representantes da UNE, CUT, MST, Intervozes e Levante Popular da Juventude iniciaram o debate sobre os cinco eixos que constituem o manifesto da Jornada de Lutas da Juventude Brasileira, aprovado numa grande plenária nacional realizada em São Paulo. Após a mesa de abertura os grupos de discussão aprofundaram o debate e acrescentaram bandeiras de luta que dizem respeito à realidade estadual, como por exemplo a necessidade de derrotar o governo fascista e retrógrado do Democratas.

Jovens de variadas representações unem-se por uma só causa.

Durante a tarde, os grupos de discussão apresentaram as bandeiras propostas e se construiu uma plataforma política capaz de unificar as juventudes partidárias, movimentos sociais e entidades juvenis na construção da jornada de lutas no RN. Dia 27 de março será um dia de muita luta, quando apresentaremos ao RN os anseios da juventude potiguar e a necessidade de se construir um outro mundo possível. Juventude que ousa lutar, constrói o poder popular!

Retirado de JPTRN.com.br