sexta-feira, 22 de março de 2013

Estudantes denunciam qualidade da refeição fornecida no CERES

Estudantes da Residência Universitária do CERES/UFRN promoveram um protesto hoje (21) contra as condições da alimentação fornecida aos residentes. Eles já agendaram mais uma mobilização para o próximo sábado, dia 23, às 7 horas. O protesto sairá da sede do Centro Administrativo da prefeitura de Caicó.

Segundo Antônio Alves, do bacharelado de História, "reivindicamos uma comida de boa qualidade, um mínimo de respeito e dignidade por parte da PROAE, tendo em vista o descaso que essa Pró-Reitoria está tendo diante dos relatórios sobre a alimentação fornecida para nós". Conforme afirmou Fátima Silva, também estudante de História do CERES, "há mais de dois anos que reclamamos e nenhuma providência foi adotada".

Ensopado de peixe, segundo os estudantes, "mal preparado".
Ainda para Antônio, é possível constatar, servida nos refeitórios, "alimentação por vezes crua, claramente de baixa qualidade e mesmo comida requentada, chegando ao cúmulo de haver alimento vencido desde maio de 2012". Fátima confirma e define a alimentação como "mal preparada, de cheiro forte e, em alguns casos, nota-se a presença de insetos, cabelos e mesmo carrapixo já foi encontrado". O estopim, segundo ela, "foi o fiscal ter encontrado alimentos com data de validade vencida, mas esse foi apenas um dos casos pelo qual já passamos".

Embora procurada, as saídas encontradas pela PROAE, segundo os estudantes, "sempre foram paliativas". Nesta quarta, conforme Fátima, o Coordenador de Esportes da UFRN, Douglas, foi até os estudantes pedir calma e falar na organização de uma calourada. "Sinceramente, achamos uma falta de respeito", definiu a estudante.

Já foram enviados assinaturas, fotos e slides mostrando a situação e a resposta dada aos estudantes é a de que estão sendo buscadas as melhorias, mas nenhuma mudança foi sentida pelos residentes. O protesto é mais uma forma de mobilizar a opinião pública e questionar a permanência de um problema básico de uma das principais universidades do Nordeste.

Veja mais: