Pular para o conteúdo principal

Ato político e cultural da Jornada de Lutas da Juventude Potiguar (27/03)



A fragmentação das lutas juvenis é um fenômeno moderno que está inserido no contexto da fragmentação das lutas sociais, num período marcado pela dificuldade de se construir consensos programáticos e unidade na ação política. A divisão no interior do movimento sindical e estudantil, bem como o surgimento de novos movimentos sociais com pautas setoriais e bastante específicas é um sintoma do fenômeno destacado. 

Se durante a década de 90 era possível construir unidade em torno do combate ao projeto neoliberal em curso no Brasil, o início do século XXI e a eleição de Luís Inácio Lula da Silva desencadearam diferentes formas de diálogo e de construção da luta política. As pautas corporativas ocuparam cada vez mais destaque, em detrimento de uma plataforma política capaz de superar os limites da democracia parlamentarista e do governo de ampla coalizão liderado pelo PT.

Entretanto, o ano de 2013 se iniciou com uma convocação inusitada que pode representar um marco político importante no que diz respeito à tentativa de se construir consensos programáticos e unidade na ação política. Trata-se justamente da Jornada de Lutas da Juventude Brasileira, convocada por juventudes partidárias e diversos movimentos juvenis, apresentando uma plataforma política com foco na reforma política, reforma agrária, democratização da comunicação, redução da jornada de trabalho sem redução de salários, na luta contra o extermínio da juventude, por mais investimento na educação pública e na defesa do socialismo. Trata-se de um momento ímpar de debate e mobilização que vem sendo construído em diversos estados brasileiros, inclusive no Rio Grande do Norte, onde a jornada também incorpora a bandeira do “Fora Rosalba!”.

O dia 27 de março será um dia de luta no RN, um dia em que diversas juventudes do campo e da cidade ocuparão as ruas de Natal para apresentar suas bandeiras de luta e dizer que, apesar dos avanços conquistados na última década, queremos muito mais!

Participe do ato político e cultural da Jornada de Lutas da Juventude Potiguar, a ser realizado dia 27 de março (quarta-feira), às 14h, em Natal/RN. Seguiremos em marcha do IFRN (Av. Salgado Filho) à Praça Cívica do campus da UFRN, onde encerraremos o ato com diversas apresentações artísticas e intervenções políticas.

Juventude que ousa lutar constrói o poder popular!


Retirado de: JPTRN.com.br

Postagens mais visitadas deste blog

Ata de Homologação de candidatura da chapa "TODA LUTA"

Edital da Eleição para o Diretório Central dos Estudantes José Silton Pinheiro

Universidade Federal do Rio Grande do Norte Diretório Central dos Estudantes da UFRN – José Silton Pinheiro Comissão Eleitoral
EDITAL
A Comissão Eleitoral, autônoma, eleita em CEB, convocado e realizado no Diretório Central dos Estudantes – (DCE UFRN), realizado no último dia quatro de abril de dois mil e dezessete, no uso de suas atribuições legais e prerrogativas outorgadas em CEB, RESOLVE:
Capítulo I: Da Comissão Eleitoral, sua composição e competências
Art. 1º - Informar da sua composição eleita em CEB supracitado:
I.Rafael Leite da Silva Bune (Pedagogia); II.Gustavo Rodrigues da Costa (Gestão de Políticas Públicas); III.Paula Lays de Lima e Silva (Direito);

HOMOLOGAÇÃO CHAPAS DE DELEGADOS AO 55 CONUNE

A Comissão Eleitoral para o processo de eleição dos e das delegados/das da UFRN ao 55º CONUNE, devidamente instituída pela Coordenação desta entidade, faz saber as chapas homologadas para o processo de campanha. Sendo elas:

CHAPA 1 - "ENFRENTE"
CHAPA 2 - "OCUPAR E RECONQUISTAR A UNE"
CHAPA 3 - "VAI LUTAR OU VAI TEMER?"

     Vale salientar que devido ao grande volume de inscritos para cada chapa, esta Comissão está compilando todos os nomes homologados de cada chapa, estes serão publicizados nesta sexta-feira(26/05/2017).
     Sem mais para o momento, autorizamos o início da campanha eleitoral conforme o Edital deste processo.


COMISSÃO ELEITORAL - DCE UFRN - 55º CONUNE