Pular para o conteúdo principal

Em Natal, Fátima Bezerra faz balanço da Educação e apresenta metas do PNE


Deputada participou do Aulão+10; Natal é a oitava cidade e a segunda do nordeste visitada pela Caravana

A imersão da Caravana nordeste adentro seguiu viagem, partindo de Fortaleza, e estacionou, no dias 23 e 24 de abril, bem na esquina da América do Sul, em Natal, capital do Rio Grande do Norte, “a cidade mais próxima do velho continente”, como é descrita na história dos livros e no imaginário popular. Após um mês na estrada, a acolhida quase que familiar do povo potiguar fez a Caravana se sentir em casa.

A receptividade da anfitriã, Ângela Paiva, reitora da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, também contribuiu para a chegada da Caravana. “Essa é uma oportunidade que a UNE está dando aos nossos estudantes. Neste dia vocês estão plantando o futuro. Aqui estão os jovens que fazem o presente mas que, com certeza, estarão conduzindo as nossas universidades, as nossas instituições, as nossas organizações nos próximos 10 anos”, disse, dando início ao Aulão+10.


Atualmente, a UFRN oferece 75 cursos de graduação presencial e 73 cursos de pós-graduação. Sua comunidade acadêmica é formada por mais de 33.000 estudantes (graduação e pós-graduação), 3.108 servidores técnico-administrativos e 1.760 docentes. “A UFRN tem sido um grande motor que propicia o desenvolvimento do estado. Então, a nossa universidade está devidamente implicada nesse debate que vocês estão trazendo sobre o desenvolvimento do país para os próximos 10 anos”, destacou a reitora, que mais tarde receberia uma comissão do movimento estudantil que a entregou uma carta com reivindicações.

Outra anfitriã que deixou a Caravana bem à vontade foi a professora e deputada federal pelo PT do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra, ex-presidente da Comissão de Educação da Câmara Federal e parceira dos estudantes na luta legislativa por mais investimentos para a educação. Ela foi a convidada principal do Aulão e centrou a sua exposição no Plano Nacional de Educação, o PNE 2012-2022, indo ao encontro do tema da Caravana, que propõe discutir o novo Brasil dos próximos 10 anos sob a ótica da juventude.

Participaram do Aulão, também, a representante da Marcha Mundial das Mulheres, Conceição Dantas; o representante da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Jocelin Bezerra; e as representantes do DCE da UFRN, Marianna Ribeiro e Melayne Macedo.

FONTE: UNE

Postagens mais visitadas deste blog

Ata de Homologação de candidatura da chapa "TODA LUTA"

UNE lança nova carteira estudantil

Começou no último dia 27  a emissão da nova carteira nacional estudantil. A nova carteira expedida pela União Nacional dos Estudantes teve o layout nacionalmente padronizado e está de acordo com as exigências da Lei que esclarece as medidas relativas à Copa das Confederações FIFA 2013, à Copa do Mundo FIFA 2014 e aos eventos relacionados, que serão realizados no Brasil. A carteira vai garantir 50% de desconto no ingresso para os jogos da Copa das Confederações que acontece agora em junho bem como para o transporte público nos municípios onde os estudantes têm benefícios assegurados. “O funcionamento da carteirinha durante este ano será uma experiência importante para a Copa do Mundo e os demais eventos esportivos que virão. As mudanças também reforçam a credibilidade da carteira como um documento de identificação dos estudantes reconhecido em todo o território nacional”, destaca o presidente da UNE, Daniel Iliescu.
A nova carteira estudantil tem certificado digital e poderá ser emiti…

Xerox na UFRN

Você está indignado com o serviço de Xerox na UFRN? Não agüenta mais ficar em fila? Já precisou várias vezes de material que não teve como copiar? Quer um serviço mais barato e de qualidade? Seus problemas ainda não acabaram, mas podem acabar! O DCE/UFRN, gestão “Da luta não me retiro”, na qualidade de representante legitimado dos estudantes da UFRN, diante da grande quantidade de reclamações de diversos estudantes e Centros Acadêmicos a respeito péssima qualidade do serviço de reprografia atualmente prestado nessa Universidade - as longas filas e esperas, muitas vezes sem conseguir êxito para retirar cópia ou fazer impressão, que têm feito inclusive vários estudantes perderem aula – convoca os estudantes para discutir e pensar soluções práticas para a problemática da Xerox. A última licitação para prestação de serviço de copiadora na UFRN ocorreu em 2002 (concorrência nº 02/2002), o que significa que a empresa que atualmente está na UFRN o faz sem licitação, além de não ser de modo nen…