Pular para o conteúdo principal

Estudante diz existir esquema no DCE de universidade particular em Natal

O papel de um Diretório Central dos Estudantes (DCE) é lutar contra as qualquer tipo de organização que afete os interesses dos estudantes no Brasil, e que, também,por consequência, afete os interesses do país. Porém, em algumas universidades, o conceito não vem sendo respeitado.

Um grupo de alunos da Universidade Potiguar (UnP) vem tentando, sem êxito até agora, se manifestar em relação as eleições do Diretório Central dos Estudantes (DCE) da instituição de ensino, que ainda não tem data para acontecer por causa de arbitrariedades.

Segundo o estudante de Direito do 3º período, João Paulo Lacerda, a chapa da situação que tenta a reeleição e que organiza o pleito, vem adiando sistematicamente a divulgação de normas legais para a eleição acontecer. Como se não bastasse, o mesmo grupo que toma conta atualmente do DCE está no poder há 10 anos, quando deveria ficar no máximo por três. “Eles estão tocando o DCE por vários anos, só muda a presidência”, disse.

João Paulo diz achar estranho que pessoas do 6º período da faculdade de Direito não saibam nem o que seja um DCE. “Uma prova do quanto esse grupo é ausente, os alunos nem sabem pra que serve um DCE, se soubessem era porque a chapa atual era porque a sua parte estava sendo feita, mas isso não acontece”, disse. Para completar, o estudante ainda disparou contra a administração atual: “DCE não só serve para organizar calourada, tem muitas outras coisas que não estão sendo feitas.

Uma das atribuições que o atual DCE não vem tomando a frente é em relação a carteira de estudante. Enquanto o benefício para muitos custa R$7,50 em alguns lugares e até R$3,50 em outros, na UnP chega a custar R$15. Outro problema identificado é a renúncia sobre abusos nas mensalidades. Enquanto que legalmente o reajuste pode ser feito uma vez ao ano, a UnP faz a cada três meses.

Diante de total falta de preocupação do atual DCE com esses fatos, João Paulo Lacerda acredita que o consentimento esteja relacionado com acordo político/financeiro entre administradores da universidade e os membros do DCE que estão há muito tempo no cargo. “Com certeza isso existe, é muita gente grande envolvida e um deles é Flávio Fonseca”, disse se referindo ao atual Secretário Adjunto da Secretaria Municipal da Juventude, Esportes e Lazer (Sejel) da prefeitura do Natal.

A chapa de oposição, intitulada “Por um DCE de verdade”, também não está sendo permitida pela direção de expor as propostas em sala de aula. Tiveram material reprovado como faixas e panfletos, sem contar que foram até expulsos do recinto, conferindo assim uma atitude anti-democrática que não confere com a política de um movimento estudantil.

Postagens mais visitadas deste blog

Ata de Homologação de candidatura da chapa "TODA LUTA"

UNE lança nova carteira estudantil

Começou no último dia 27  a emissão da nova carteira nacional estudantil. A nova carteira expedida pela União Nacional dos Estudantes teve o layout nacionalmente padronizado e está de acordo com as exigências da Lei que esclarece as medidas relativas à Copa das Confederações FIFA 2013, à Copa do Mundo FIFA 2014 e aos eventos relacionados, que serão realizados no Brasil. A carteira vai garantir 50% de desconto no ingresso para os jogos da Copa das Confederações que acontece agora em junho bem como para o transporte público nos municípios onde os estudantes têm benefícios assegurados. “O funcionamento da carteirinha durante este ano será uma experiência importante para a Copa do Mundo e os demais eventos esportivos que virão. As mudanças também reforçam a credibilidade da carteira como um documento de identificação dos estudantes reconhecido em todo o território nacional”, destaca o presidente da UNE, Daniel Iliescu.
A nova carteira estudantil tem certificado digital e poderá ser emiti…

Xerox na UFRN

Você está indignado com o serviço de Xerox na UFRN? Não agüenta mais ficar em fila? Já precisou várias vezes de material que não teve como copiar? Quer um serviço mais barato e de qualidade? Seus problemas ainda não acabaram, mas podem acabar! O DCE/UFRN, gestão “Da luta não me retiro”, na qualidade de representante legitimado dos estudantes da UFRN, diante da grande quantidade de reclamações de diversos estudantes e Centros Acadêmicos a respeito péssima qualidade do serviço de reprografia atualmente prestado nessa Universidade - as longas filas e esperas, muitas vezes sem conseguir êxito para retirar cópia ou fazer impressão, que têm feito inclusive vários estudantes perderem aula – convoca os estudantes para discutir e pensar soluções práticas para a problemática da Xerox. A última licitação para prestação de serviço de copiadora na UFRN ocorreu em 2002 (concorrência nº 02/2002), o que significa que a empresa que atualmente está na UFRN o faz sem licitação, além de não ser de modo nen…