sexta-feira, 8 de julho de 2011

Integrantes do “Fora, Micarla” voltam a Mossoró para apoiar ocupação na Dired

Dez integrantes do movimento #foramicarla, de Natal, estão novamente na sede da Diretoria Regional de Educação, Cultura e Esporte (12ª Dired) para apoiar o movimento estudantil mossoroense. Eles chegaram na última madrugada, assim que souberam da tentativa de desocupação do prédio, e devem ajudar na resistência dos manifestantes de Mossoró.

Ontem, após envolvimento da Polícia Militar no caso, os estudantes conseguiram mais um dia de prazo para saírem do local. Devem deixar a Dired até o meio dia de hoje (07).

Até o momento, porém, não há disposição para isso, visto que o Governo do Estado, apesar de ter aceitado algumas reivindicações, ainda não garantiu formalmente a efetivação dos acordos estabelecidos com o Comando de Mobilização Estudantil de Mossoró (Comem).

Os manifestantes mantêm a posição de deixar o prédio de forma pacífica, caso as exigências sejam formalizadas por escrito.

Segundo um dos integrantes do Comem, Petrônio Andrade, o advogado do grupo, Lindomar Morais, está em Natal para visitar o Tribunal de Justiça, tentando suspender a liminar que determina a desocupação. Morais também deve reunir-se com o procurador-geral do Estado, Miguel Josino, para pedir respostas mais concretas por parte do executivo estadual.

Os manifestantes ocupam a Dired há 22 dias.

Dentre as exigências, estão a volta do pagamento das bolsas, implantação de um programa de urbanização dos Campus da UERN, conclusão das obras que foram paralisadas com o contingenciamento da UERN, além de reformas em diversas salas de aula da instituição e aumento da segurança.