sexta-feira, 20 de maio de 2011

Curso de Gênero e Sexualida

Organizado pelo departamento de Antropologia da UFRN, tem como público alvo educadores do ensino público.




Inscrições abertas para formação de professores da rede pública em Gênero e Diversidade.

Estão abertas as inscrições para a formação em Gênero e Diversidade na Escola. O público-alvo são professores da Educação Básica da rede pública interessados em conhecer e discutir questões que envolvam gênero, sexualidades, orientação sexual e relações étnicorraciais. 

Integrando a Rede de Educação para a Diversidade do Ministério da Educação (MEC), a formação será oferecida na modalidade semipresencial a partir de agosto deste ano para seis Polos de Apoio Presencial do Programa Universidade Aberta (UAB) no Estado do RN: Grossos, Guamaré, Luís Gomes, Martins, Natal e Parnamirim. As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas por meio da Plataforma Freire até o dia 22/05/11. Há 540 vagas, 90 para cada polo.


O curso será realizado pelo grupo de pesquisa Gênero, Corpo e Sexualidade (GCS), do departamento de Antropologia (DAN), em parceria com a Secretaria de Educação a Distância (Sedis). As professoras Elisete Schwade (DAN) e Carla Cabral (Escola de Ciências e Tecnologia) são a coordenadora geral e vice-coordenadora, respectivamente.

A formação em Gênero e Diversidade na Escola está prevista para iniciar em agosto e se entender até dezembro de 2011, totalizando 200 horas de carga horária. As aulas serão ministradas por meio de um Ambiente Virtual de Ensino e Aprendizagem (AVEA) por professores vinculados à UFRN, com formnação nas áreas afins à temática do curso. Tutores presenciais e a distância integram a equipe pedagógica. Além das aulas online, haverá três encontros presenciais, em que serão discutidas as temáticas do curso e realizadas oficinas que possibilitem aos professores-cursistas construir um novo olhar sobre a escola, desconstruindo preconceitos.


São cinco os módulos da formação: (1) orientações metodológicas e diversidade; (2) gênero; (3) sexualidade e orientação sexual; 4) relações étnico-raciais; e (5) avaliação. Os conteúdos contemplam conceitos fundamentais como o de gênero e sua importância para o conhecimento do mundo social, questões sobre saúde, sexualidade e desigualdade racial, entre outros A articulação entre as temáticas e o cotidiano escolar está presente em cada unidade. 


MAIS INFORMAÇÕES, pelo e-mail gde@sedis.ufrn.br com o secretário do curso, Regivaldo Sena.