segunda-feira, 14 de maio de 2012

Rodoviários rejeitam proposta e mantêm greve dos ônibus


Os rodoviários de Natal vão manter a greve. No início da noite desta segunda-feira (14), o funcionários rejeitaram a proposta de reajuste salarial de 8% e vão permanecer com as atividades paralisadas até nova proposta.

Durante a tarde desta segunda-feira, membros do Sintro e do Seturn participaram de audiência de conciliação no Ministério Público do Trabalho, onde a proposta de mediação foi de 8%, com o retorno imediato dos motoristas e cobradores ao trabalho e a retomada de negociação de outros pedidos da categoria a partir do dia 23 de maio. O presidente do Sintro, Nastagnam Batista, levou a proposta aos profissionais, que rejeitaram de imediato.

Os grevistas cobram reajuste salarial de 14,3%, manutenção do vale-alimentação unificado de R$ 200, além de plano de saúde e melhorias nas condições de trabalho. A proposta inicial dos empresários foi 5% de reajuste, referente à reposição da inflação, mas eles concordaram em pagar 8%, após a mediação no MPT.

Com o impasse, a greve prossegue por tempo indeterminado, com várias empresas sequer conseguindo colocar em circulação 30% da frota.

Fonte Tribuna do Norte