Pular para o conteúdo principal

Rádio Universitária FM comemora 11 anos nesta quinta-feira, 22

A Rádio Universitária FM comemora 11 anos de atividades amanhã, 22, e ganha reformulação na grade de programação. As comemorações ainda envolvem estreias de programas e realização de projetos de extensão. A FMU (88,9) opera desde 2001, levando música e informação à população de Natal e região metropolitana.

Sempre com o objetivo de disponibilizar à população uma programação diferenciada, a FMU preparou para o ouvinte uma programação especial para marcar os festejos do aniversário. Uma novidade é a estreia de dois programas musicais: “Vox Mundi”, apresentando músicas de grandes artistas internacionais, e “Universitária FM na rede”, com programação de música eletrônica denominada Shill Lounge Music .

Ainda dentro da mudança da programação musical, a FMU explora a grade já existente mudando horários e reformulando formatos. É o caso dos programas “A Turma do Rádio”, de música infantil, “Universidade do Samba” e “Cinemúsica”, de trilhas sonoras do cinema.

A FMU é uma rádio pública e tem como objetivo a formação educativa, cultural e cidadã dos ouvintes. Segundo a diretora da emissora, Sandra Mara de Oliveira Souza, a rádio tem compromisso ético com o ouvinte e principalmente com o conteúdo gerado.

Ainda segundo a diretora, todas as edições do programa “Conexão Brasil” do mês de abril serão dedicadas aos artistas potiguares. O programa é promovido pela Associação das Rádios Públicas do Brasil (ARPUB) e vai ao ar todos os dias às 9h55.

Extensão

A aprovação de projetos de extensão a serem realizados durante o ano de 2012 também marcam o aniversário da rádio. Um dos projetos é o “Pacato Cidadão” – Programa institucional para orientação social-educativa de jovens potiguares pela rádio da UFRN.

O projeto “Saúde Minha Comunidade: Mitos e Verdades” é uma parceria com departamentos da área da saúde da UFRN e pretende promover a saúde, desmistificando preconceitos e mitos.

Para levar informações sobre a Ciência e Tecnologia aos ouvintes da Universitária FM e promover a prática do jornalismo, a convergência de saberes e popularização dos conceitos e pesquisas desenvolvidas na UFRN, no Brasil e no Mundo, a FMU desenvolve o projeto “Ciência no Rádio - Popularização do Conhecimento Científico”, também realizado por estudantes do curso de Comunicação Social.

FONTE: Portal da UFRN

Postagens mais visitadas deste blog

Ata de Homologação de candidatura da chapa "TODA LUTA"

UNE lança nova carteira estudantil

Começou no último dia 27  a emissão da nova carteira nacional estudantil. A nova carteira expedida pela União Nacional dos Estudantes teve o layout nacionalmente padronizado e está de acordo com as exigências da Lei que esclarece as medidas relativas à Copa das Confederações FIFA 2013, à Copa do Mundo FIFA 2014 e aos eventos relacionados, que serão realizados no Brasil. A carteira vai garantir 50% de desconto no ingresso para os jogos da Copa das Confederações que acontece agora em junho bem como para o transporte público nos municípios onde os estudantes têm benefícios assegurados. “O funcionamento da carteirinha durante este ano será uma experiência importante para a Copa do Mundo e os demais eventos esportivos que virão. As mudanças também reforçam a credibilidade da carteira como um documento de identificação dos estudantes reconhecido em todo o território nacional”, destaca o presidente da UNE, Daniel Iliescu.
A nova carteira estudantil tem certificado digital e poderá ser emiti…

Xerox na UFRN

Você está indignado com o serviço de Xerox na UFRN? Não agüenta mais ficar em fila? Já precisou várias vezes de material que não teve como copiar? Quer um serviço mais barato e de qualidade? Seus problemas ainda não acabaram, mas podem acabar! O DCE/UFRN, gestão “Da luta não me retiro”, na qualidade de representante legitimado dos estudantes da UFRN, diante da grande quantidade de reclamações de diversos estudantes e Centros Acadêmicos a respeito péssima qualidade do serviço de reprografia atualmente prestado nessa Universidade - as longas filas e esperas, muitas vezes sem conseguir êxito para retirar cópia ou fazer impressão, que têm feito inclusive vários estudantes perderem aula – convoca os estudantes para discutir e pensar soluções práticas para a problemática da Xerox. A última licitação para prestação de serviço de copiadora na UFRN ocorreu em 2002 (concorrência nº 02/2002), o que significa que a empresa que atualmente está na UFRN o faz sem licitação, além de não ser de modo nen…